Top Menu
análise de crédito

A contratação de um empréstimo costuma ser um processo burocrático. Isso porque as instituições financeiras precisam avaliar as condições do cliente de cumprir com o contrato. Sendo assim, as empresas costumam fazer análise de crédito que exige alguns requisitos que muitos cidadãos não conseguem cumprir e por isso têm o pedido recusado. Uma pesquisa do Sistema de Proteção ao Crédito (SPS) aponta que 45,5% das pessoas que solicitaram empréstimos nos últimos 12 meses não foram aprovadas por falta de renda. Além disso, outros 21% confirmaram ter solicitado empréstimo nos últimos 3 meses e destes, mais da metade teve o pedido negado (12%).

Aí o sujeito pensa: se não consigo um empréstimo, como vou limpar meu nome e sair do vermelho? A solução pode estar no empréstimo consignado que oferece facilidades para aposentados, servidores públicos, militares e trabalhadores em regime de CLT. A contratação do empréstimo consignado também exige análise de crédito, porém com a garantia dos fundos que o indivíduo tem para receber proporciona uma segurança maior ao ofertante. Com isso, a análise de crédito pode ser simplificada. O contratante de empréstimo consignado tem ainda outros benefícios em comparação a outros modelos de empréstimos como:

  • Taxas 3 ou 4 vezes menores do que as de outras categorias de empréstimos;
  • Prazos de pagamento de até 96 meses;
  • Análise de crédito sem consulta ao SPC;
  • Parcelas fixas.

Quais documentos são necessários para a análise de crédito?

Nesse caso, a comprovação de renda fixa é dispensável. Com isso, além dos documentos pessoais, são necessários comprovantes comumente solicitados para contratação de qualquer serviço. Saiba quais são eles:

  • Documentos pessoais – RG, CPF e CNH: normalmente os bancos ou instituições financeiras solicitam uma cópia do documento de identificação pessoal com foto.
  • Documentos financeiros: o objetivo dessa solicitação é avaliar as possibilidades do contratante por meio da sua renda fixa. Ou seja, o banco ou instituição precisam de garantias de que o valor será pago ainda que as parcelas sejam descontadas do salário ou INSS do indivíduo.
  • Comprovante de residência: essa é uma solicitação comum quando o assunto é prestação de serviços. Porém, muitos ainda têm dúvidas de quais documentos podem ser utilizados com essa finalidade. Na maioria dos casos as contas fixas ou comprovantes de consumo atualizados são as aceitas (até 90 dias), entre elas estão:
    • Conta de luz;
    • Conta de gás;
    • Conta de água;
    • Conta de TV a cabo;
    • Carnê ou boleto do IPTU do ano vigente;
    • Conta de telefone fixo, internet ou celular.

Vale lembrar que o comprovante deve estar em nome do titular da solicitação. Caso contrário é preciso verificar com a instituição como proceder.

Quais são os critérios avaliados durante a análise de crédito?

  • Veracidade da documentação: a instituição irá conferir toda sua documentação para confirmar a veracidade. Nesse quesito, qualquer tipo de irregularidade é praticamente um sinônimo de rejeição da proposta de crédito. Além disso, o indivíduo ainda corre risco de responder criminalmente por se apresentar com documentação irregular;
  • Tipo de convênio: esse é um quesito que às vezes surpreende o contratante. A categoria de convênio solicitada deve estar incluída nos critérios consignáveis, ou seja, permitir o desconto diretamente na folha de pagamento;
  • Disponibilidade de margem consignável: a margem é um dos fatores limitadores durante a análise de crédito. Isso porque é necessário garantir a saúde financeira do contratante e da instituição. Isso porque comprometer a principal fonte de renda com parcelas altas pode fazer com que o indivíduo deixe de quitar débitos essenciais.

Leia também: como são definidas as taxas de juros

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voce pode usar estes comandos (tags e atributos) HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close